sexta-feira, 29 de julho de 2011

Lula destaca papel da blogosfera contra velha mídia


Lula destaca papel da blogosfera contra velha mídiaO ex-presidente Lula durante 2º Encontro Nacional de Blogueiros Progressistas(Foto: Augusto Coelho)
Brasília – Durante o 2º Encontro Nacional de Blogueiros, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva destacou o papel da blogosfera e da liberdade de comunicação no país.

Na palestra transmitida pela Rede Brasil Atual e pela TVT, ele também ironizou a chamada velha mídia (clique aqui para assistir). "Vocês evitaram que a sociedade brasileira fosse manipulada como durante muito tempo foi. Vocês evitaram que os chamados falsos formadores de opinião pública que, às vezes, não convencem nem quem está em casa assistindo, ditassem regras."

Lula lembrou da campanha eleitoral de 2010 e do papel importante dos blogueiros que confrontavam a cobertura da grande imprensa de forma ostensiva e de qualidade, mesmo sendo "sujos" - apelido dado por Serra à blogosfera durante a campanha presidencial. "Vocês foram xingados exatamente por aqueles que faziam a sujeira. Cidadão fez a sujeira e resolveu dizer que vocês que faziam."

O ex-presidente destacou a seriedade com que é feito o debate dos blogueiros e, também, a diversidade das opiniões. "Vocês são uma alternativa, uma possibilidade que a sociedade participe, que não fique refém desse ou daquele formador de opinião pública. Ela pode ouvir, escutar ou ler, mas também pode falar."

Bolinha de papel

Lula lembrou de um episódio da campanha eleitoral, em que o então candidato tucano, José Serra, acusou militantes contrários à sua candidatura de tê-lo acertado na cabeça com um objeto. E a consequente e intensa cobertura de setores da imprensa enfatizando o objeto pelo qual Serra foi atingido.

"Na verdade o estrago não foi na cabeça, foi na urna. Foi o único momento na história em que um candidato saiu mais fraco do que entrou", ironizou Lula.

Fonte: Brasil Atual

quinta-feira, 28 de julho de 2011

A Lenda da Água Grande é apresentada em São Paulo

O Balé Nacional de Cuba apresentou na quarta-feira, a peça "A Lenda da Água Grande, para um grupo de convidados, no Teatro Anhembi Morumbi, em São Paulo.
Contando a história do amor impossível entre Naipi e Tarobá, que tem como desfecho a formação das Cataratas do Iguaçu por um golpe do deus serpente M'Boy, em perseguição ao casal de amantes.

A cultura ancestral dos nossos povos originários sendo divulgada no Brasil e no mundo, já que a peça será apresentada no Canadá e na Europa, após a temporada brasileira que se encerra em São Paulo.

O Balé Nacional de Cuba, dirigido pela primeira dama do Balé Cubano, Alicia Alonso, tem reconhecimento mundial, ocupando lugar de destaque na cultura hispano-americana contemporânea. A companhia surgiu em 1948, tendo Alicia Alonso como principal fundadora e bailarina principal.

O tema foi proposto ao Balé Nacional de Cuba pela bailarina brasileira Taynã Mayara, sexta da esq. para dir., que estudava em Cuba. Casualmente me encontrei em Brasília com o Deputado Vicente Cândido, sétimo da esq. para dir., que me solicitou apoio ao grupo que visitaria nossa região para fazer as pesquisas visando a montagem da peça.

Lembrando que o Projeto foi coordenado pela Cooperativa Cultural Brasileira, que orientou todo o trabalho da pesquisa à captação de recursos para financiar as apresentações, já que no Brasil serão gratuitas para os alunos de escolas públicas de Brasília, Salvador e São Paulo.

Pela minha pequena participação neste projeto, recebi da Cooperativa Cultural Brasileira o Prêmio Amigo da Cultura.
Tive oportunidade de manifestar a gratidão dos povos da região trinacional pela deferência de termos nossa cultura regional divulgada por tão conceituada companhia. Também reafirmei o desafio de trazermos a apresentação para seu berço, aproveitando o evento para contatos com patrocinadores em potencial.

Da mesma forma solicitei apoio para a criação, em andamento, da Cooperativa Paranaense de Cultura, fortalecendo os movimentos existentes em nosso Estado, com ênfase em nossa região.  

IFPR forma 20 técnicos em aquicultura nesta sexta-feira

O Instituto Federal do Paraná (IFPR), campus de Foz do Iguaçu, forma nesta sexta-feira, 29, 20 alunos do Curso Técnico em Aquicultura. A entrega dos certificados será às 20h, na Casa Amizade – Rotary Club Foz do Iguaçu.

Conforme o diretor do campus de Foz, Luiz Carlos Ecktein, com duração de dois anos, a proposta do curso foi formar profissionais de nível técnico de operacionalização racional das tecnologias vinculadas a produção aquícola, principalmente, com relação às atividades de cultivo e de extração de organismos que tenham como principal “habitat” a água.

Com esse curso, os novos técnicos, poderão atuar nas instituições públicas e privadas do setor aquícola, empresas de produção e beneficiamento de pescado, laboratórios de reprodução, larvicultura e engorda ou de forma autônoma.

Mais informações pelo telefone (45) 9911-0260, com Adilson.

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Saiba como envelhecer com saúde


O Grupo de Trabalho Itaipu-Saúde (GT Itaipu-Saúde) promove, no dia 4 de agosto, às 14h, a palestra “Sensibilização ao Processo de Envelhecimento Ativo”, no Centro de Convivência do Idoso, em Foz do Iguaçu. No dia 17 o encontro será no Paraguai, no Centro de Recepção de Visitantes da margem direita.
  
Proferida pelo cardiologista German Pignolo (à esquerda), especialista em envelhecimento, o objetivo é incentivar a população idosa a buscar uma vida mais saudável e ter um envelhecimento ativo.
  
Durante a palestra serão debatidos temas como sexualidade na terceira idade, quedas e a saúde mental do idoso.
  
Para German, é essencial também que as pessoas continuem a participar de atividades sociais e mantenham seus desejos e capacidades psíquicas ativas, mesmo depois dos 60.
  
“A ideia é sensibilizar os idosos a terem uma vida mais saudável. Um dos resultados esperados é a redução do número de pessoas nas unidades básicas de saúde”, explica Paula Rodrigues Zvir, coordenadora da atividade.
  


 
Evitar a queda
   
Como a queda é considera a principal causa de acidentes entre pessoas com mais de 60 anos, os participantes receberão um manual com dicas de como preveni-la. A primeira delas é manter boa iluminação em todos os cômodos da residência e evitar o uso de tapetes, sobretudo nas escadas.
    

     
Inscrições
  
Interessados em participar da palestra devem fazer a inscrição até o dia 2 de agosto, pelos telefone (45) 3520-5359 ou 3520-5233 ou e-mail: gtsaude@itaipu.gov.br.


Fonte: JIE

Prefeito de Bela Vista da Caroba vem à Itaipu promover evento

Pedro Tonelli, Joel de Lima e Joseli Menezes no Centro Executivo. Em pauta, a ExpoCaroba.

Nesta terça-feira (26), o assistente do diretor-geral brasileiro, Joel de Lima (AS.GB), e o coordenador do Programa Mais Peixes em Nossas Águas, Pedro Tonelli (AS.CD), receberam, no Centro Executivo, a visita do prefeito de Bela Vista da Caroba (PR), Joseli Tiago de Menezes.
  
O prefeito veio apresentar os resultados da ExpoCaroba – evento realizado ano passado, que teve o apoio da Itaipu e contou com exposição da indústria, comércio, agronegócio, artesanato, shows e atividades culturais típicas da região do município, localizado no Sudoeste paranaense.
 
Este ano, o evento deve acontecer de 14 a 20 de dezembro.
 
Durante o encontro na Itaipu, Menezes ressaltou as melhorias que a feira agropecuária trouxe à cidade. O município investiu em pequenos e grandes produtores de leite, novas tecnologias de produção, educação e organização em agricultura.
 
Bela Vista da Caroba é uma cidade pequena, com pouco mais de 4 mil habitantes. O ponto forte do município é a atividade leiteira.


Fonte: JIE

Telefones públicos serão redistribuídos pelo Brasil

O Ministro das comunicações Paulo Bernardo, afirmou,essa semana, que os telefones públicos, conhecidos como orelhões, serão redistribuídos pelo país.

Os orelhões parece que estão ficando esquecidos nas cidades, mas ainda são os meios de comunicação mais baratos disponíveis para a população, se comparar sua tarifa com a de um celular pré-pago.

O ministro disse que dentro do Plano de Metas do governo está a redistribuição de orelhões em locais estratégicos. Paulo Bernardo também falou sobre a possibilidade dos telefones públicos serem difusores de internet sem fio nas cidades.

Paulo Bernardo aproveitou o mesmo anuncio para informar que o governo também está disponibilizando internet grátis nos principais aeroportos do país.

Fonte: Região Noroeste, portal

terça-feira, 26 de julho de 2011

Cultura Viva, Luz Para Todos e medidas adotadas na área da saúde

Conversa com a PresidentaNa coluna “Conversa com a Presidenta” desta terça-feira (26/7), publicada em jornais e revistas no Brasil e no exterior, a presidenta Dilma Rousseff responde a questionamentos sobre os programas Cultura Viva e Luz Para Todos, além de medidas adotadas na área da saúde pública.

O produtor cultural Fernando Milani Rosella, de Jaú (SP), começou sua indagação com a seguinte afirmação: “o programa Cultura Viva foi elogiado pela senhora como sendo um dos melhores programas do governo. Contudo, hoje há inadimplência”. Em seguida, perguntou se a presidenta pretende manter o programa em seu governo.

Dilma Rousseff respondeu que manterá o programa, “que é uma herança muito importante do governo Lula”, segundo ela. Lembrou, ainda, que o Cultura Viva tem como base os Pontos de Cultura, que são núcleos de produção cultural independente, instalados nas periferias das grandes cidades e no interior do Brasil para a promoção da diversidade cultural brasileira. A presidenta explicou que esses núcleos são mantidos pelas próprias comunidades e apoiados pelo governo federal.
“Os selecionados pelo Ministério da Cultura (MinC), por meio de editais públicos, recebem subvenções. O objetivo é estimular e fortalecer suas atividades, com a contratação de profissionais e aquisição de equipamentos. Já há mais de 2.700 Pontos de Cultura em todo o país, que envolvem milhares de pessoas em atividades de arte, cultura, educação, cidadania e economia solidária”, afirmou Dilma Rousseff.
Em relação aos restos a pagar, que ficaram para este ano, a presidenta informou que mais de 30% deste valor já foi pago até junho, e que o MinC está trabalhando para que o restante seja pago até o fim do ano. “A situação está se normalizando. O apoio aos Pontos de Cultura é o reconhecimento de que o povo é não apenas receptor, mas também protagonista, produtor e difusor de cultura e arte. Esses núcleos contribuem de forma significativa para o exercício pleno da cidadania”, disse.

Fonte: Blog do Planalto

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Salão do Livro 2011 divulga programação completa

O Salão Internacional do Livro 2011 movimentará Foz do Iguaçu entre os dias 4 e 14 de agosto. Haverá atividades para todos os públicos com palestras, bate-papos, apresentações musicais e teatrais, ainda, uma feira completa de livros dos mais diversos segmentos da literatura, infantil, técnico, científico, auto-ajuda e biografias, com exemplares vendidos a partir de R$ 1.

Para a criançada, muitas histórias infantis serão contadas e, participarão de uma conversa com Cléo Busatto.

Já para os adultos, uma palestra com Gustavo Martins, sobre “Mini Contos Perversos”.

Na lista, também, outros grandes nomes da literatura nacional e internacional como Carlos Amorim, Domingos Meirelles, Leandro Narloch, Alcione Araújo, Jairo Bouer, Fernando Moraes, Rogério Bonato e Ildo Carbonera.

Nesta edição, um dos diferenciais será as oficinas de contos, poesias, crônicas ministradas por Antônio Torres e Cidinha Hosoya.

Outro destaque do evento será a literatura de Cordel, muito presente na novela da Rede Globo, Cordel Encantado, com o poeta e repentista Júnior do Bode.
O Salão é promovido pela Fundação Cultural e realizado pelo Instituto da Educação e do Livro, mas conta com apoio da Itaipu Binacional, Universidades e Faculdades da cidade, Ceaec, Secretaria da Educação e Turismo, Núcleo Regional de Educação, livreiros e outras entidades interessadas na difusão das obras literárias.

Confira a programação 
Dia 4 – Quinta-feira 
9h - Abertura da Feira
9h30 - Apresentação de dança das alunas da Escola Municipal Jardim Naipi
10h -Contação de histórias
14 - Contação de histórias
19h - Solenidade de abertura do Salão
20h – Apresentação do Grupo Arueira

Dia 05 – Sexta-feira 
9h30h - Palestra E-Book, com Mirna de Oliveira
10h30 - Contação de histórias
14h- Palestra: “Comportamento do Jovem; Emoções e Riscos”, com Jairo Bouer
16h - Palestra: “A Importância da Historia da Formação da Cidadania”, com Velocino Fernandes
18h30 h - Orquestra da Fundação Cultural
19h - Bate-Papo: “A Eficácia do Direito a Saúde”, com Allan Weston de Lima, no estande da livraria Kunda.
19h30 - Palestra: “A Verdade das Mentiras”, com Alcione Araújo
20h30 - Sessão de Autógrafos com Alcione Araujo

Dia 06 - Sábado 
9h- Café Literário com Alcione Araújo
9h30-12h30 - Oficina Literária: Para Gostar de ler e escrever crônicas, com - Antonio Torres
14h-17h - Oficina Literária -  Contos, com Antônio Torres.
15h - Contação de histórias
17 h - Encontro de escritores: Políticas Públicas da Área do Livro, Leitura e Literatura, sob a coordenação de Nilton Bobato
19h – “El conflicctu entre Palestino – Israel”, com Mário Casartelli
20h – “Mini Contos Perversos”, com Gustavo Martins. Atração exclusiva para maiores de 18 anos

Dia 07 - Domingo 
9h- Apresentação Orquestra da Fundação Cultural
10h - Panorama Latino-Americano: Encontro, Bate-Papo e Lançamento de Livros de autores do Brasil, Paraguai e Argentina. Elaboração da carta Foz/2011
15h-21h- Multiplicidade Cultural de Foz de Iguaçu. Atividades e apresentações culturais da comunidade.

Dia 08 – Segunda –Feira 
9h - Apresentação do Coral da Escola Municipal Adele Scalco
9h30 – Palestra infantil: “O Fio da História”, com Cléo Busatto
10h30 - Sessão de autógrafos – Cléo Busatto, no estande da Livraria Kunda
14h - Recital com Cléo Busatto
16h - Apresentação de dupla musical da Escola Municipal Jorge Amado
16h - Sessão de Autógrafos: Manual do Texto Dissertativo, com Julieta Mendonça
17h - Apresentação da Banda da Fundação Cultural
19h - A Literatura e o Cinema, com Fernando Morais
20h - Exibição do filme “Olga”

Dia 09 - Terça-feira 
9h30 - A Literatura de Cordel - A História, Evolução do Cordel Moderno, Júnior do Bode
14h - Apresentação de dança da Escola Municipal Santa Rita de Cassia
16h - Contação de histórias
19h- “Responsabilidade Social e Empresarial”, com Claudio Alexandre de Souza
19h30 - Recital de Cordel: “Poética de Repentista”, com Júnior do Bode

Dia 10 – Quarta-feira 
10h - Oficina: “A escolha do dicionário bilíngüe”, com Mariana Francis
10h - Conversando com Valeria Gurgel sobre ‘‘Onde Rolam as Cascatas”
10h30 – “Dinâmicas Parapsíquicas”. Com Moacir Gonçalves e Rosemary Salles
11h - Sessão de Autógrafos com Valéria Gurgel
14h-17h - Oficina “A escolha do dicionário bilíngüe”, com Mariana Francis
15h- Contação de histórias
15h- Apresentação de dupla musical da Escola Municipal Frederico Engel
19h – “A Historia Incorreta do Brasil”, por Leandro Narloch

Dia 11 – Quinta-feira
9h- Lançamento do projeto do Plano Municipal do Livro, Leitura e Literatura. Com Fabiano Itaúba, diretor do Livro, Leitura, Literatura e Biblioteca da UNIC. Coordenação: Joane Villela, Secretaria Municipal de Educação e João Adelino Souza, diretor-presidente da Fundação Cultural
9h30 Palestra: “Graciliano Ramos”, como o jornalista Audálio Dantas
14h- Apresentação Musical da Escola Municipal Cora Coralina
16h - “Contos Curtos”, por Edson Rossatto
16h- Contação de Histórias
19h – “A Passagem da Coluna Prestes”, com Domingos Meirelles

Dia 12 – Sexta-feira 
Dia da Dramaturgia
9h–21h –“O Teatro do Excluído”, por Cia Experiencial de Foz do Iguaçu
9h - Espaço 1 – Em Cena: Contação da história "A borboleta azul", por Ana Maria Reckziegel
9h30- Oficina: “O ensino/aprendizagem da cultura de língua inglesa nos livros didáticos adotados pelas escolas estaduais de Foz do Iguaçu”, com Dulcemara Queiroz
10h30 - Espaço 2 – Debate:  “Escrevendo para o Teatro”, apresentação de Luiz Henrique Dias
14h - Espaço 1 – Em Cena: Contação de histórias infantis, com Claudiara Ribeiro
15h – “O teatro de sombras de Ofélia”, com Justim Garden e Moa Ferreira
16h - Espaço 2 – Debate: “Importância da Arte na Formação Humana”, apresentação de Moa Ferreira
16h – Poesia: “Nenúfares sob o Luar”, com a autora Andréa Cristina Lopes
17h - Palestra: “Acervos de Teatro em Escolas”, com Ana Maria Reckziegel
18h - Espaço 1 – Em Cena: “Leitura”, apresentação dos alunos do Núcleo de Dramaturgia do SESI
19h - Palestra “Violência Urbana e Crime Organizado no Brasil”, com o jornalista Carlos Amorim
20h - Espaço 2 – Debate: “O Teatro Contemporâneo”, apresentação de Luiz Henrique Dias, com a participação de Luiz Leprevost e Roberto Alvim
21h30 - Sessão de Autógrafos com Luiz Leprevost
 
Dia 13 - Sábado 
9h-12h - Oficina “A Letra e a Poesia”, por Ildo Carbonera
10h - Sessão de autógrafos “Obesos Insanos”, com Rogério Bonato
14h-17h - Oficina de Poesia, com Cidinha Hosoya
16h - Palestra: “O Olhar do Repórter na História”, com o jornalista Roberto Sander.
17h-18h - Livro: “Narrativas ítalo-brasileiras: dove è la Cuccagna?”, com autor Ildo Carbonera
18h - Recital de Poesia com poetas locais
19h - Sessão de Autógrafos "Manual do Texto Dissertativo”, com a autora Julieta Mendonça
19h - Sessão de autógrafos com Rosemary Salles
19h- “Jornalismo no Cinema e na Literatura”, com Jorge Oliveira
20h – “A Ciência do Bem Viver - Propostas e Técnicas na Psicologia Positiva”, com Mônica Portella

Dia 14 - Domingo 
9h-21h - Multiplicidade Cultural de Foz do Iguaçu - Espaço Literatura e Cinema - Sessões durante a Manhã e Tarde
Encerramento do Evento

Serviço: 
Inscrições na Fundação Cultural com Shadia pelo telefone (45) 3521-1480 ou e-mail: cultural@fozdoiguacu.pr.gov.br.
Inscrições para oficinas com Érica no e-email: erica-mass@hotmail.com ou telefone (45) 3521-1480
Fonte: Assessoria de Imprensa


Dilma quer o dobro de policiais em ações nas fronteiras que, em um mês, já prenderam 550 pessoas

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta segunda-feira (25), em seu programa de rádio semanal, Café com a Presidenta, que uma das operações em fronteiras terá o dobro de agentes policiais em 2011.

A chamada Operação Sentinela envolve a Polícia Federal, a Polícia Rodoviária Federal e a Força Nacional de Segurança Pública.

- Essa Operação Sentinela foi criada em 2010, na época pelo presidente Lula, agora nós intensificamos esta operação e ela passará, ao longo deste ano de 2011, a ter o dobro de agentes policiais.

Outra ação de proteção de fronteiras é a Operação Ágata, conduzida pelo Ministério da Defesa, com o apoio do Ministério da Justiça, que atua de maneira localizada.

A presidente também destacou os primeiros resultados do Plano Estratégico de Fronteiras, lançado em junho, como apreensão de 10,5 toneladas de maconha e 500 kg de cocaína, além da prisão de 550 pessoas.

Apesar dos esforços, a presidente admitiu que o país ainda tem muitas dificuldades a superar.

- Não vai ser fácil não, o tamanho do Brasil e a diversidade da nossa geografia são os grandes desafios para a segurança na fronteira brasileira. São quase 17 mil km de extensão. E para cada região precisamos ter estratégias diferentes. Mas estes desafios não nos assustam, vamos usar diversos modos de ação para enfrentá-los.

Dilma afirmou que pretende combater os criminosos usando a inteligência, integração e fiscalização. Sobre um vídeo que circula na internet mostrando traficantes vindo do Paraguai comemorando a passagem pela barreira no Paraná, Dilma disse que essa realidade já está mudando.

- Você viu que esses mesmos traficantes foram presos 300km depois de passarem pela fronteira e pela barreira. Ou seja, eles estavam sendo monitorados.

Segundo Dilma, o país vai investir mais em tecnologia para planejamento de ações. Um dos investimentos é a criação de um sistema de satélite, que se chamará SisFron, para monitorar toda a área de fronteiras.

A presidente também falou sobre ações de combate à criminalidade em cidades brasileiras, como a instalação de UPPs (Unidades de Polícia Pacificadora), no Rio de Janeiro e em Pernambuco.

Fonte: R7

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Nenhuma faixa de fronteira do Brasil é tão integrada quanto a nossa, diz Samek


Representantes de organizações da sociedade civil, dos governos federal e estadual e de municípios do Oeste e Sudoeste do Paraná estão reunidos no Parque Tecnológico Itaipu (PTI), desde quinta (21), para debater o plano que vai delinear os trabalhos de integração entre Brasil, Paraguai e Argentina nos próximos anos. É a Oficina de Planejamento do Núcleo Regional da Comissão Permanente para o Desenvolvimento e Integração da Faixa de Fronteira (CDIF), coordenada pelo Ministério da Integração Nacional.
     

Diversas autoridades participaram da Oficina do CDIF.
     
A oficina tem como objetivo definir o modelo de gestão do Núcleo Faixa de Fronteira, os temas prioritários e os grupos temáticos iniciais, além de envolver as instituições representativas da região no processo. Nesta etapa, serão preparadas as políticas públicas da região que serão enviadas ao ministério. Com a aprovação das três esferas de governo, os projetos formarão uma pauta de compromissos que possibilitará, em uma etapa subsequente, um diálogo positivo com os países fronteiriços.
 
     
O Plano de Fronteira Paraná será composto por dois subplanos: um para a fronteira Oeste do Estado, limítrofe com o Paraguai, e uma para a fronteira Sudoeste, vizinha da Argentina. “Vamos propor inicialmente sete áreas de trabalho: educação, saúde, segurança, turismo, desenvolvimento econômico, desenvolvimento social e infraestrutura. Mas o processo é absolutamente participativo, vamos compor os trabalhos num consenso”, explicou Herlon Goelzer de Almeida, assessor da Diretoria Geral Brasileira da Itaipu.
    

Integração das fronteiras em pauta.
      
Além de Alexandre Peixoto, representando o Ministério da Integração Regional, participaram do encontro o secretário de Turismo do Paraná, Faisal Saleh, representando o governador do estado; o secretário de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho; o vice-prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro; o diretor-geral brasileiro da Itaipu, Jorge Samek; prefeitos e representantes das Associações de Municípios do Oeste e Sudoeste paranaense; entre outras autoridades. 
 
“O Brasil tem fronteira com dez países, mas nenhuma faixa fronteiriça é tão bem conceituada e tem um processo de integração tão avançado quanto a nossa, aqui no Paraná”, lembrou o diretor-geral da Itaipu, Jorge Samek. “Esse processo de integração será cada vez melhor para o Brasil, mas um dos maiores beneficiados será sem dúvida o Paraná, e em especial a região Oeste, onde se insere a Itaipu. E o desenvolvimento da região faz parte da nossa missão”, completou.


Fonte: JIE

quinta-feira, 21 de julho de 2011

Joel recebe repórter da Rádio Cultura

Joel de Lima recebeu o repórter da Rádio Cultura Orivaldo Dorta para falar sobre a implantação do Núcleo Regional de Fronteira.

Uma oficina no Parque Tecnológico Itaipu (PTI) - nesta quinta-feira e sexta-feira-, com a presença de representantes de órgãos municipais, estaduais e federais, além de entidades da sociedade civil, que têm atuação na fronteira do Paraná com o Paraguai e Argentina, em uma área que vai desde Guaíra até Barracão, definirá os detalhes do grupo.

   O objetivo é definir a forma de funcionamento e coordenação do grupo, além de identificar novos atores que tenham interesse em participar e fortalecer o grupo estadual. Esses atores vão indicar quais as áreas prioritárias de atuação, tais como saúde, educação, infraestrutura, segurança, entre outras. Para cada tema será constituído um subgrupo, considerando as especificidades subregionais.

Salão do Livro terá atração internacional

O Salão Internacional do Livro - de 4 a 14 de agosto em Foz do Iguaçu - contará com a presença de um dos maiores escritores paraguaios: Mario Casartelli. Amante do jornalismo, da musica e literatura, tem mais de 10 livros publicados.  Duas de suas obras: “Contrapunto” e “Sagrada Irreverência” receberam o prêmio “El Lector”, considerada uma das premiações da literatura paraguaia.

Em 1977, aos 23 anos, começou a trabalhar na imprensa paraguaia. O primeiro cargo foi como designer, caricaturista e humorista no Diário La Tribuna. Hoje, mantém uma coluna semanal Caricatura Verseada onde publica versos de sátiras políticas, no Última Hora. É também correspondente internacional do jornal.

Quando não está escrevendo, Casartelli é um defensor das causas sociais. É membro ativo da Associação Paraguaio-Cubana de Cultura José Martí e do grupo fundador da Comissão de Defesa do Meio Ambiente.  Comisión de Defensa del Medio Ambiente (CODEMA).



Salão
O evento é promovido pela Fundação Cultural e realizado pelo Instituto da Educação e do Livro, mas conta com apoio da Itaipu Binacional, Universidades e Faculdades da cidade, Ceaec, Secretaria da Educação e Turismo, Núcleo Regional de Educação, livreiros e outras entidades interessadas na difusão das obras literárias

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Número de Vereadores em Foz, debate desqualificado

Continua a polêmica sobre o projeto do Vereador Hermógenes de Oliveira, PMDB, propondo o aumento do número de vereadores em Foz do Iguaçu de 15 para 21. Momento propício para debater o funcionamento da Câmara Municipal, a atuação dos Vereadores e o papel dos poderes na definição dos destinos da cidade.
No entanto, mesmo com a participaçao de instituições bastante representativas no Município, o debate não conseguiu se qualificar. Pelo contrário, da forma como vem sendo conduzido tende a se reduzir cada vez mais, estreitando a compreensão do processo em decorrência da falta de visão e de senso de oportunidade.
Analisando o que está acontecendo, da forma mais isenta possível, entendo que não há má-fé de ninguém, apenas iniciativas precipitadas de alguns e falta de entendimento político da maioria.
Na Grécia antiga, berço da democracia, os cidadãos se reuniam na praça para decidir sobre as questões da cidade. Cada um recebia duas pedras, uma branca e outra preta, que utilizavam para votar após os debates, era o poder exercido diretamente.
Nos tempos atuais é praticamente impossível o exercício direto do poder, razão pela qual temos o modelo representativo. Ou seja, escolhemos representantes que em nosso nome decidirão sobre as questões de interesse da sociedade. Desnecessário dizer que quanto mais representantes, mais possibilidades teremos de contemplar adequadamente todos os segmentos da sociedade, seja de grupos, culturas, etnias etc, dando sentido à máxima de que a Câmara de Vereadores é a casa do povo.
A questão que deve ser discutida, e está mal encaminhada, é o custeio e o funcionamento da Câmara de Vereadores. A Câmara é um espaço de atuação eminentemente política, representada pelos Vereadores, porém seu funcionamento deve ser profissional e seus servidores concursados, com funções e remunerações estabelecidos em plano de carreira, cargos e salários. Os gabinetes dos vereadores devem ter à disposição assessores suficientes, em número e qualificação, para atender a população, elaborar projetos, apoiar tenicamente os parlamentares, porém dos quadros da casa. Os assessores políticos, de livre nomeação, devem ser minoria, talvez apenas um para cada Vereador.
Com um quadro de profissionais definido, com as competências necessárias, salários dignos e responsabilidades estabelecidas, mesmo que a população tenha dificuldade em eleger os melhores a Câmara terá uma atuação diferenciada.
Em linhas gerais é isto, apenas para provocar o debate.

Joel

terça-feira, 19 de julho de 2011

Fronteira em debate: oficina marca primeiro encontro oficial da CDIF


Começa nesta quinta-feira (21), no Parque Tecnológico Itaipu (PTI), a Oficina de Planejamento do Núcleo Regional da Comissão Permanente para o Desenvolvimento e a Integração da Faixa de Fronteira (CDIF). Será a primeira reunião do núcleo desde a criação da comissão permanente, por decreto federal, em setembro de 2010, e a sua instalação – em abril deste ano. A programação da oficina segue até sexta-feira (22), no Auditório Florestan Fernandes.

De acordo com Herlon Goelzer de Almeida, assessor do diretor-geral brasileiro, foram convidados representantes de órgãos municipais, estaduais e federais que têm atuação na fronteira do Paraná, e entidades da sociedade civil, em uma área que vai desde Guaíra até Barracão, na divisa do Estado com Santa Catarina.

Ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, discursa na cerimônia que marcou a instalação da comissão permanente de fronteira e os núcleos de Foz do Iguaçu e Amapá, em abril, no Palácio Itamaraty.
   
“O objetivo é primeiro identificar os atores que querem participar e estabelecer um grupo estadual, com coordenação compartilhada. Esses atores vão indicar quais as áreas de interesse, como saúde, educação, questão tributária, entre outras. Para cada assunto, será constituído um subgrupo”, explicou.

A expectativa, segundo ele, é que na sequência sejam criados planos setoriais, que evoluam para uma “relação transfronteiriça sustentável” em toda a região.

Na programação da oficina, estão previstos a apresentação do núcleo e do programa de promoção do desenvolvimento da faixa de fronteira do Ministério da Integração; a organização do processo para a institucionalização e oficialização do CDIF; a definição do modelo de gestão do órgão; além do envolvimento das entidades representativas da região no trabalho.

Políticas públicas

A comissão permanente de fronteira e as regionais de Foz do Iguaçu e do Amapá foram instaladas no final de abril em cerimônia no Palácio Itamaraty, em Brasília, com a presença do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, e do diretor-geral brasileiro da Itaipu, Jorge Samek, entre outras autoridades. A intenção é abrir ainda neste ano núcleos regionais em todos os Estados que têm fronteira com outros países.

Formada por 20 órgãos do governo federal e oito instituições convidadas, a comissão permanente e os núcleos regionais têm por objetivo propor e acompanhar a execução de políticas públicas para as regiões de fronteira, incluindo ações de desenvolvimento social e econômico e o combate à criminalidade e ao comércio ilegal de armas.

Samek (primeiro à esquerda) esteve em Brasília para participar da instalação da comissão permanente.
 
A ideia é que a união das três esferas de governo, empresas e representantes da sociedade civil organizada permitirá otimizar recursos, ao evitar ações duplicadas e a descontinuidade nas prioridades estabelecidas.

No Paraná, integram o comitê, inicialmente, Itaipu, governo do Estado, Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu, Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (Amop), Associação dos Municípios do Sudoeste do Paraná (Amsop), Universidade Federal da Integração Latino-Americana (Unila), Sebrae-Paraná, superintendência regional da Receita Federal e coordenadorias das associações comerciais e empresariais do oeste e do sudoeste do Estado. O grupo poderá agregar novos parceiros.

Fonte: JIE

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Adiada inauguração de microcentral termelétrica do Condomínio Ajuricaba


A viagem que os ministros Edison Lobão (Minas e Energia) e Afonso Florence (Desenvolvimento Agrário) fariam ao Oeste do Paraná, nesta terça-feira (19), foi adiada devido a outros compromissos oficiais que ambos terão em Brasília.


A permanência na capital atende a um pedido da presidenta Dilma Rousseff.


Por isso, a inauguração da Microcentral Termelétrica a Biogás do Condomínio de Agroenergia da Agricultura Familiar do Rio Ajuricaba, que ocorreria no mesmo dia, em Marechal Cândido Rondon, será remarcada. Uma nova data será definida nas próximas semanas.


Já o seminário de lançamento dos relatórios de sustentabilidade da Eletrobras e da Itaipu, no Parque Tecnológico Itaipu (PTI), em Foz do Iguaçu, está mantido. O evento acontece a partir das 8 horas, nesta terça-feira.

Ministros Lobão e Florence cumprem agenda em Foz e Marechal nesta terça-feira

Os Ministros de Minas e Energia, Edison Lobão , e do Desenvolvimento Agrário, Afonso Florence cumprem na terça-feira, 19, agendas em Foz do Iguaçu e Marechal Cândido Rondon.

Em Foz do Iguaçu, às 8h30, no Parque Tecnológico Itaipu (PTI), os ministros participam do Seminário Relatório de Sustentabilidade - Indicadores, Estratégia e Oportunidade. Na ocasião serão lançados os relatórios de sustentabilidade 2010 da Itaipu Binacional e Eltrobras.

Inauguração

À tarde, em Marechal Cândido Rondon, Lobão e Florence participam da Inauguração da Microcentral Termelétrica a Biogás do Condomínio de Agroenergia da Agricultura Familiar do rio Ajuricaba. Também visitam uma propriedade familiar produtora de biogás e integrada ao Condomínio de Agroenergia.

sábado, 16 de julho de 2011

Curso sobre envelhecimento reúne profissionais de diversas áreas

Um grupo de 60 profissionais de saúde, professores, jornalistas, sociólogos, engenheiros, turismólogos e pedagogos do Brasil, Paraguai e da Argentina participou nesta sexta-feira, 15, da aula inaugural do curso “Envelhecimento e suas interfaces: qualidade no trabalho com o idoso”, promovido pelo Grupo de Trabalho Itaipu-Saúde (GT Itaipu-Saúde), no auditório do Sesc.  A aula do 1º módulo prossegue neste sábado durante todo o dia.

A capacitação oferecida gratuitamente à comunidade tem carga horária de 120 horas, dividida em quatro módulos.

“Embora a proposta do GT Itaipu Saúde seja capacitar profissionais da área da saúde, precisamos pensar no cidadão como um todo, por isso, abrimos vagas para as diversas áreas do conhecimento”, explica Paula Rodrigues Zvir, responsável pelo curso.

Para Paula, a meta foi atingida: “25% dos inscritos não estão ligadas à saúde”. Ao longo do treinamento , entre as disciplinas serão discutidos os fundamentos biopsicossociais: aspectos biológicos, psicológicos, sociais, famílias contemporâneas e educação; políticas públicas; legislação e redes sociais. 

Grisalho
Na sexta-feira e sábado a discussão com a socióloga da Universidade Caxias do Sul, Vânia Herédia destaca o quanto o Brasil está mais grisalho Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam quem o país envelheceu 30 anos nas últimas cinco décadas. E a tendência é aumentar ainda mais. Enquanto a população como um todo cresceu 12,34% na última década, a faixa etária acima de 60 anos aumentou 41,65%. “Envelhecemos muito rápido, não estávamos preparados para esta mudança”, afirma Vânia.
Segundo ela, a sociedade precisa, com urgência, se organizar para atender este público. “Juntos, esses profissionais das diversas áreas precisam pensar em propostas”, diz. Uma das sugestões apontadas pela socióloga é preparar pessoas para serem cuidadores de idosos. “Precisamos regulamentar esta profissão”, completa.

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Cléo Busatto lançará “O Fio da História” no Salão do Livro de Foz do Iguaçu

Uma das maiores escritoras e contadoras de histórias infantis do país, Cléo Busatto lançará a obra “O Fio da História” durante o Salão Internacional do Livro que ocorrerá em Foz do Iguaçu entre os dias 4 e 14 de agosto. O livro pede uma educação de paz.

Além de “O Fio da História”, é autora de 18 obras, entre livros e CD-ROMs. O primeiro livro infantil foi publicado em 2002: “Dorminhoco”. De lá para cá, não parou mais. Seguiram-se “Contos e encantos dos 4 cantos do mundo”, em 2003;  Coleção Criança Segura, 3 volumes (2004); Pedro e o Cruzeiro do Sul (2006); Paiquerê, o paraíso dos Kaingang (2009); O florista e a gata (2010) e Histórias de quem conta histórias (2010). Na lista ainda há livros teóricos que abordam o tema narração oral e oralidade e que dão suporte a sua prática. Suas obras fazem parte de programas de leitura e catálogos internacionais como o Bologna Children’s Book Fair.

Mestre em Teoria Literária pela Universidade Federal de Santa Catarina, Cléo como mediadora em projetos sobre oralidade já capacitou cerca de 50 mil pessoas e suas histórias foram ouvidas por mais de 75 mil.

“A proposta do Salão é ter atividades para toda a família. Teremos palestras sobre os Minicontos Perversos, com Gustavo Martins, destinada aos adultos e, também, um bate-papo entre Cléo e a criançada”, explica Sueli Brandão, idealizadora do evento.

Governo quer reduzir impostos para telecomunicações

Cabos de fibra óptica
O governo está estudando a redução de impostos para a construção de redes de telecomunicações. O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, essa semana, disse que está sendo avaliada a criação de um regime especial de tributação para redução de impostos como PIS/Cofins para equipamentos e redes de fibras ópticas. Segundo ele, o barateamento vai incentivar a construção de novas redes.
 
“O acordo que fizemos com as empresas vai massificar muito largamente a internet e se não tiver a infraestrutura podemos ter problemas. Com isso estamos apostando que vai ter grandes investimentos também”, explicou.
A operadora TIM já assinou um acordo com a Telebras para adesão ao Plano Nacional de Banda Larga, possibilitando a oferta de internet móvel a R$ 35 em algumas cidades.

Paulo Bernardo explicou que, assim como já foi feito com outros equipamentos como modem e computador, as empresas que aderirem ao Processo Produtivo Básico poderão ter mais descontos. “Vamos definir isso nos próximos dias, mas até agora está transitando bem no governo, não tem dificuldades, que eu tenha percebido”, disse o ministro.

Fonte: Agência Brasil

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Ministros Lobão e Florence inauguram microcentral termelétrica do Ajuricaba

Energia que vem do campo: imagem mostra propriedade integrante do condomínio, em Marechal Cândido Rondon.
   
Os ministros Edison Lobão (Minas e Energia) e Afonso Florence (Desenvolvimento Agrário) inauguram, na terça-feira (19), a Microcentral Termelétrica a Biogás do Condomínio de Agroenergia da Agricultura Familiar do Rio Ajuricaba, em Marechal Cândido Rondon (Oeste do Paraná). Inédito no País, o projeto viabiliza a geração de energia elétrica a partir de dejetos da agropecuária para pequenos produtores rurais, e é resultado de uma parceria entre a Itaipu Binacional, a prefeitura de Rondon, a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater-Paraná) e a Companhia Paranaense de Energia (Copel).

     
Além dos representantes das instituições parceiras, a inauguração também deverá contar com a presença do governador em exercício do Paraná, Flávio Arns; do presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto; do Secretário de Estado da Agricultura, Norberto Ortigara; do diretor-presidente da Eletrosul, Eurides Mescolotto; e de parlamentares e outras autoridades.
     
“Este projeto é emblemático para o Brasil, visto que o País assumiu compromissos internacionais de redução das emissões de gases do efeito estufa. E com esse sistema, a agropecuária brasileira pode transformar um problema ambiental em uma solução e ainda lucrar com isso”, afirma o diretor-geral brasileiro da Itaipu, Jorge Samek.

Fonte: JIE

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Curso “Envelhecimento e Suas Interfaces“ começa nesta sexta-feira

Começa nesta sexta-feira, 15, às 14h, no auditório do Sesc, em Foz do Iguaçu, o 1º módulo do curso “Envelhecimento e Suas Interfaces: Qualidade no Trabalho com o Idoso”, promovido pelo Grupo de Trabalho Itaipu Saúde (GT Itaipu Saúde).

Sem qualquer custo, a capacitação, com carga horária de 120 horas divididas em quatro módulos, é destinada aos profissionais da saúde, ciências humanas, educação, turismo, comunicação social, engenharia, arquitetura e, estudantes.

Neste 1o modulo, com o tema “Contextualização”, os participantes discutirão “Dados demográficos e sociodemográficos”, ainda, “Conceitualização: Processo de envelhecimento, velhice e velho”. Nesta fase as aulas serão ministradas nos dias 15 e 16 e, 29 e 30 de julho.

O assunto do módulo 2 será “Fundamentos Biopsicossociais: aspectos biológicos, psicológicos, sociais, famílias contemporânea e educação”. Na 3a etapa, o debate será sobre “Políticas Públicas e Envelhecimento: Legislação e Redes Sociais”. A última fase versará sobre “Organização e Gestão de Serviços para Idosos”. Neste contexto, abrangerá assuntos ligados ao turismo, arquitetura, meio ambiente e estruturação de programas para idosos.

Ao final, os participantes receberão certificados emitidos pela Itaipu Binacional, validados pela Universidade de Caxias do Sul.

O objetivo do curso é dar oportunidade aos participantes de conhecer o processo do envelhecimento humano, com vistas, a promoção de competências, desenvolvimento de habilidades, aprimoramento contínuo e fomento de políticas públicas de atendimento ao idoso. “Geralmente oferecemos cursos a técnicos da saúde, mas resolvemos abrir para os demais profissionais”, afirma Paula Rodrigues Zvir, responsável pelo treinamento.

Ministros Lobão e Florence participam de eventos em Foz e Marechal

Os Ministros de Minas e Energia, Edison Lobão (à direita), e do Desenvolvimento Agrário, Afonso Florence cumprem na terça-feira, 19, agendas em Foz do Iguaçu e Marechal Cândido Rondon.

Em Foz do Iguaçu, às 8h30, no Parque Tecnológico Itaipu (PTI), os ministros participam do Seminário Relatório de Sustentabilidade - Indicadores, Estratégia e Oportunidade. Na ocasião serão lançados os relatórios de sustentabilidade 2010 da Itaipu Binacional e Eltrobras.

Inauguração

À tarde, em Marechal Cândido Rondon, Lobão e Florence participam da Inauguração da Microcentral Termelétrica a Biogás do Condomínio de Agroenergia da Agricultura Familiar do rio Ajuricaba. Também visitam uma propriedade familiar produtora de biogás e integrada ao Condomínio de Agroenergia. 

terça-feira, 12 de julho de 2011

Salão do Livro terá palestra fechada para menores de 18 anos

A edição 2011 do Salão Internacional do Livro de Foz do Iguaçu está mais ousada. Este ano haverá uma palestra fechada para menores de 18 anos: “Mini Contos Perversos e outras Licenciosidades”, com o paulista radicado em Curitiba, Gustavo Martins. Como o próprio nome, o livro é composto por pequenas historietas que tratam de temas picantes como beleza feminina, vícios, paixão, desejos e fantasias.

“Para contrabalançar a suposta frieza da cidade, resolvi botar fogo na vida, escrevendo”, diz Gustavo. Segundo ele, os contos surgiram das histórias vividas e escutadas, de muita imaginação, do rock e do blues, das idas e vindas sobre duas rodas, da cerveja com os amigos e, principalmente, delas (razão de toda beleza e delicadeza que há nesse mundão sem nexo).

Gustavo é também redator publicitário e usa a experiência na propaganda — em que tem que transmitir grandes conteúdos em 30 segundos ou nas poucas linhas de um impresso — para enxugar ao máximo os escritos, mantendo sua essência. Músico autodidata, ele utiliza ritmo e desencadeamento para imprimir fluência e energia vital na escrita.

“Essa será uma palestra inédita. Nunca tivemos atrações como esta no Salão, mas optamos por apresentar conteúdos diferenciados, embora dedicados a um público exclusivo”, explica Sueli Brandão, organizadora do evento. 

A proposta do Salão do Livro é promover na cidade, entre os dias 4 e 14 de agosto, uma verdadeira maratona de atividades culturais na Praça do Mitre.

Leia alguns contos

Ao vivo: cerimônia de lançamento do Plano Safra da Agricultura Familiar, em Francisco Beltrão (PR)

A presidenta Dilma Rousseff e o ministro do Desenvolvimento Agrário, Afonso Florence, participam neste instante, em Francisco Beltrão (PR), o Plano Safra da Agricultura Familiar 2011/2012.
 A solenidade acontece no no Centro de Eventos e é transmitida AO VIVO pela TV NBR.

Assita ao vivo


O Plano visa aumentar a produção de alimentos, gerar renda no campo e promover a organização econômica dos agricultores (as) familiares, assentados (as) da reforma agrária e povos e comunidades tradicionais. Para isso, aperfeiçoa as políticas públicas implantadas nos últimos anos para este segmento produtivo.

A agricultura familiar terá à disposição no Plano Safra 2011/2012 R$ 16 bilhões para as linhas de custeio, investimento e comercialização do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). Do total disponibilizado, R$ 7,7 bilhões serão destinados a operações de investimento e R$ 8,3 bilhões, para operações de custeio.

O Plano Safra traz uma grande conquista para a agricultura familiar: a Política de Garantia de Preços Mínimos da Agricultura Familiar (PGPM-AF), que permitirá a utilização de instrumentos de comercialização para garantir que o produtor receba o preço mínimo do produto (pré-fixado no início da Safra). A PGPM-AF vai permitir a compra a preços justos de produtos da agricultura familiar, que serão destinados aos estoques governamentais. Servirá como forte instrumento de apoio à comercialização e de garantia de renda para os agricultores.
 

Itaipu participa das comemorações de 21 anos do ECA

O assistente do diretor-geral, Joel de Lima, representará a Itaipu Binacional nas comemorações dos 21 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), nesta quinta-feira, 13, no Auditório da Confederação Nacional da Indústria (CNI), em Brasília.

Com o título “ECA 21 anos – Uma ação do setor empresarial e da Secretaria de Direitos Humanos pelo enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes”, o evento contará com a presença da Ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Maria do Rosário; Tereza Campello Ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome;  da Ministra da Secretaria de Políticas para Mulheres, Iriny Lopes e, Fernando Pimentel, Ministro da Indústria e Comércio Exterior.

“Embora tenha 21 anos, esta lei ainda não está totalmente efetivada em nosso país. Precisamos do engajamento de todos para que esta realidade se concretize”, afirma Joel.

As atividades prosseguem até sexta-feira com seminários onde serão discutidas formas de incentivar empresas a cuidar das crianças que estão próximas e evitar, que uma das piores violações dos direitos humanos aconteça: a exploração sexual de crianças e adolescentes.

Itaipu 
Jovens agradecem aos empregados da Usina pelo apoio aos pogramas sociais

A Itaipu vem tentando fazer a sua parte. É uma das pioneiras no setor elétrico a ter um programa de proteção a meninos e meninas: Programa de Proteção à Criança e ao Adolescente (PPCA).  E em 2010, assinou a Declaração de Compromisso Corporativo no Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes proposta pela Secretaria Nacional dos Direitos Humanos. Ao assinar o documento, a Itaipu comprometeu-se a realizar ações concretas para sensibilizar funcionários, fornecedores e clientes sobre a violência sexual contra crianças e adolescentes, podendo estabelecer cláusulas em seus contratos explicitando uma rejeição cabal a esse tipo de crime. “A ação realizada no Dia 18 de Maio – Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual, na barreira de controle da Usina é um exemplo deste trabalho”, lembra Joel.

Outra iniciativa nesta área é o projeto ViraVida, conduzido pelo Conselho Nacional do Sesi, busca promover a elevação da escolaridade, o fortalecimento da auto-estima e a autonomia de adolescentes e jovens em situação de exploração sexual.

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Profissionais são capacitados para atender mulheres vítimas de violência

Participantes do curso assistem à projeção: duas semanas de aprendizado em defesa das mulheres.
  
Um grupo de 30 profissionais que atuam em entidades voltadas ao amparo de mulheres vítimas de violência participam do curso Mulher de Direito, uma capacitação para potencializar o atendimento a esse público. O treinamento começou na segunda-feira (4) e segue até sexta (15), na Secretaria de Assistência Social de Foz do Iguaçu.
   
Além de representantes de instituições como Casa Abrigo, Centro de Referência para Mulheres em situação de Violência, Hospitais, Delegacias e representantes do Conselho da Mulher e do poder público local, participam também representantes das comunidades, como associações de bairros.
  
A capacitação é promovida pelo Instituto de Defesa dos Diretos Humanos (IDDHA) e conta com o apoio da Itaipu, por meio do Programa de Incentivo à Equidade de Gênero.
  
Entre os temas abordados estão a humanização no atendimento; políticas de atenção à mulher; direitos humanos, saúde e empoderamento da mulher; estatuto do idoso e discriminação.


Segundo Maria Helena Guarezi, coordenadora do Programa de Incentivo à Equidade de Gênero da Itaipu, a proposta é fortalecer as redes de atendimento e proteção à mulher e disseminar informações à comunidade.
  
Vítimas
  
Somente em Foz do Iguaçu, o Centro de Referência de Atendimento à Mulher (Cram) atende em média 160 vítimas de agressão todos os meses. “Embora seja um dos maiores índices da região, sabemos que o número é bem maior”, diz Vera Almada, coordenadora do Cram.
  
“Denunciar o companheiro ou marido ainda é um tabu. Muitas dependem do agressor para viver. Outro problema é a vergonha de se expor”, explica Angelita Neves, conselheira.
  
As denúncias podem ser feitas pelo Disque 180 ou direto na Delegacia da Mulher, pelo telefone (45) 3526-2552.


Fonte: JIE

Sancionado projeto que institui o SUAS


A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, participou na semana passada, ao lado da presidenta Dilma Rousseff, da cerimônia de sanção do Projeto de Lei  nº 189/2010 que institui o Sistema Único da Assistência Social – SUAS.  Inspirado no modelo do Sistema Único de Saúde (SUS), com atendimento e organização dos serviços em bases regionais (abrangências municipal, estadual ou regional), o SUAS garante o direito à assistência social e proteção das famílias e indivíduos em situação de risco e vulnerabilidade social.

Com a sanção da Presidência da República, o SUAS, que tem a adesão de 99,5% dos municípios brasileiros, passa a vigorar como lei.

Foto: Paulo H. Carvalho/Casa Civil PR

sábado, 9 de julho de 2011

Salão do Livro oferecerá oficinas de poesia, letra, música, crônica e conto

Na edição 4  do Salão Internacional do Livro de Foz do Iguaçu, além presença e palestras de escritores nacionais e internacionais, a grande novidade ficará por conta das oficinas oferecidas, gratuitamente, a jornalistas, escritores, poetas e amante das palavras. Os interessados poderão optar pelas modalidades de crônica, conto, poesia e, letra e música.

A oficina “Para Gostar de Ler e Escrever Crônicas” será ministrada por um dos maiores romancistas, contistas e cronistas do Brasil e até do exterior, Antônio Torres. Ele é autor de 17 livros, alguns deles com várias edições no Brasil e em países como a Argentina, Cuba, Portugal, Espanha, França, Itália, Alemanha, Holanda, Inglaterra, Estados Unidos e Israel.

Segundo Torres a proposta da oficina é aguçar o gosto literário através de um laboratório de leituras e produção de textos, incluindo a apresentação de contextos históricos e conceituais, e audições de célebres gravações de crônicas e contos. “Será no ritmo, na cadência e nas imagens de cada um desses gêneros e suas peculiaridades de linguagens e estilos”, explica.

Será dada ainda especial atenção às criações dos participantes, assim como indicações de autores, por gênero, dos clássicos aos contemporâneos. “É um convite para quem quer mergulhar criativamente no universo da escrita e da leitura”, adianta o cronista.
Inscrições podem ser feitas na Fundação Cultural ou pelo e-mail cultural@fozdoiguacu.pr.gov.br.  

Salão
O Salão do Livro será realizado em Foz entre os dias 4 a 14 de agosto, na Praça das Nações, em frente ao Colégio Bartolomeu Mitre. Entre os autores confirmados: Leandro Narloch (2º colocado na lista da revista Veja), Antonio Torres, Cléo Busatto, Fernando Moraes (autor de “Olga”), Domingos Meirelles (autor de “As Noites das Grandes Fogueiras”), Alcione Araújo, Jairo Bouer, Valéria Gurgel, Leticia Sabatela, entre outros.

sexta-feira, 8 de julho de 2011

GT Itaipu Saúde oferece curso sobre atendimento ao idoso

O Grupo de Trabalho Itaipu Saúde (GT Itaipu Saúde) abriu essa semana as inscrições para o curso “Envelhecimento e Suas Interfaces: Qualidade no Trabalho com o Idoso”. Sem qualquer custo, a capacitação, com carga horária de 120 horas, é destinada aos profissionais da saúde, ciências humanas, educação, turismo, comunicação social, engenharia, arquitetura e, estudantes.

Os interessados em participar do treinamento devem se inscrever, gratuitamente, através do email: gtsaude@itaipu.gov.br até o dia 13. Serão disponibilizadas 60 vagas, mas apenas 30 para brasileiros, as outras, são destinadas a profissionais do Paraguai e da Argentina.

O objetivo do curso é dar oportunidade aos participantes de conhecer o processo do envelhecimento humano, com vistas, a promoção de competências, desenvolvimento de habilidades, aprimoramento contínuo e fomento de políticas públicas de atendimento ao idoso. “Geralmente oferecemos cursos a técnicos da saúde, mas resolvemos abrir para os demais profissionais, pois precisamos adequar a linguagem entre os jornalistas; desenvolver prédios e residências adequadas a este público”, afirma Paula Rodrigues Zvir, responsável pelo treinamento. E completa: “A inclusão de rampas de acesso em prédios públicos, por exemplo, já é lei”.

Expectativa de vida
Conforme lembra o coordenador do GT Itaipu Saúde, Joel de Lima, o idoso passou a ter um cuidado especial da Itaipu e dos programas de responsabilidade social devido ao aumento, considerável, de pessoas nesta faixa etária. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 2010, apontam que, hoje, no Brasil há cerca de 30 milhões de pessoas com mais de 55 anos. O número é superior ao de crianças de até quatro anos.  E, na última década, a expectativa de vida, por exemplo, saltou de 66 para 73 anos. E, estudos demonstram que, em 2025, a esperança de vida chegará a 82 anos. E o Brasil, será o 6o país, com maior número de idosos.

O Curso
O curso terá duração de 120 horas divididos em quatro módulos. As aulas serão ministradas por professores da Unioeste e Universidade Caxias do Sul, RS, no auditório do Sesc.

No 1o modulo, com o tema “Contextualização”, os participantes discutirão “Dados demográficos e sociodemográficos”, ainda, “Conceitualização: Processo de envelhecimento, velhice e velho”. Nesta fase as aulas serão ministradas nos dias 15 e 16 e, 29 e 30 de julho.

O assunto do módulo 2 será “Fundamentos Biopsicossociais: aspectos biológicos, psicológicos, sociais, famílias contemporânea e educação”. Na 3a etapa, o debate será sobre “Políticas Públicas e Envelhecimento: Legislação e Redes Sociais”.

A última fase versará sobre “Organização e Gestão de Serviços para Idosos”. Neste contexto, abrangerá assuntos ligados ao turismo, arquitetura, meio ambiente e estruturação de programas para idosos.

Ao final, os participantes receberão certificados emitidos pela Itaipu Binacional, validados pela Universidade de Caxias do Sul.

GT Saúde
Constituído em 2003, o objetivo do GT Itaipu Saúde é contribuir para o fortalecimento das políticas públicas de saúde, promovendo ações baseadas na integração e na cooperação entre os três países: Argentina, Brasil e Paraguai.

Cada reunião mensal do Grupo reúne em média 110 profissionais do setor de saúde, que debatem, propõem e elaboram projetos a serem implementados pela Itaipu. As pautas desses encontros se distribuem em nove eixos temáticos: Saúde do Idoso, Saúde do Trabalhador, Saúde Indígena, Saúde Materno-infantil, Saúde do Homem, Saúde Mental, Endemias, Acidentes e Violências e Educação Permanente em Saúde.

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Câmara de Foz promove audiência pública para discutir vagas no Legislativo

A Câmara de Vereadores de Foz do Iguaçu promoverá no dia 5 de agosto, às 19h, uma audiência pública para debater com a comunidade a proposta de elevar de 15 para 21 o número de cadeiras no legislativo. Tanto o projeto como a audiência foi proposta pelo edil Hermógenes de Oliveira.

“O que estamos discutindo é a criação de seis novas vagas para a próxima legislatura, dando condições de disputa para novos candidatos. Algumas pessoas acham que essa mudança já é para esse ano; há um equívoco e precisa ser esclarecido”, defendeu o vereador.

O assunto está virando polêmica na cidade. Muitos são contra outros estão a favor da alteração. A Associação Comercial e Industrial de Foz do Iguaçu (Acifi) está promovendo uma pesquisa. Em menos de 48 horas, 1,9 mil pessoas já participaram da enquete. Segundo o levantamento, 84% dos participantes querem reduzir para 9 o número de vereadores.

Para participar basta clicar: http://www.acifi.org.br/

I Conferência Municipal de Segurança Alimentar será nesta sexta (8)

Iniciar a discussão, levar propostas, eleger delegados para as próximas conferências são alguns dos objetivos da I Conferência Municipal de Segurança Alimentar a ser realizada no Refúgio Biológico Boa Vista, nesta sexta-feira, das 8 às 18h30.

A conferência será aberta a todos os cidadãos que tenham interesse em discutir e contribuir na melhoria do direito humano à alimentação.

Será um espaço de deliberação e orientação à população sobre seus direitos de participação nas ações dos governos nacional, estadual ou municipal, através de debates e discussões em grupo.

As secretarias municipais de Assistência Social, Agricultura e Educação apresentarão relatórios das ações executadas e dos programas existentes para efetivar o direito à alimentação.

Taxistas: Segue para sanção projeto que regulamenta a atividade

Segue para sanção da presidente Dilma Rousseff o projeto que regulamenta a profissão de taxista. O projeto (PLC 27/11) foi aprovado nesta quarta-feira (6) pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS) em decisão terminativa.

Ele somente será votado pelo Plenário do Senado se recurso com esse objetivo, assinado por pelo menos nove senadores, for apresentado à Mesa. Após a votação do parecer da comissão, o prazo para a interposição de recurso para a apreciação da matéria no Plenário do Senado é de cinco dias úteis.

Fonte: Zeca Dirceu

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Revista Sobre Rodas é o novo veículo e comunicação de Foz

Já circula desde terça-feira, 5, em Foz do Iguaçu o mais novo veículo de comunicação da Tríplice Fronteira: Revista Sobre Rodas, especializada no mercado de automóveis, motocicletas e caminhões.

A publicação foi apresentada pelas jornalistas responsáveis, Abilene Rodrigues e Daniela Valiente, em um coquetel fechado para convidados no Cataratas JL Shopping. Mais de 150 empresários, jornalistas, colaboradores e amigos prestigiaram o evento.

A Sobre Rodas terá distribuição dirigida e gratuita, com periodicidade mensal. A primeira edição teve tiragem de 3.000 exemplares e foi rodada em papel couché, no formato 17 x 24 centímetros.“Percebemos a possibilidade de atingir um público diferente do atendido pelas revistas da região”, justificou Abilene Rodrigues.

Na Sobre Rodas o leitor encontra novidades do mercado automotivo; dicas de segurança e direção; manutenção e mecânica; lançamentos de acessórios e equipamentos, através de reportagens, artigos e opinião de especialistas.

Segundo Daniela Valiente, é possível acompanhar assuntos de interesse como saúde, bem estar, meio ambiente, turismo, culinária, direito e até mesmo moda e música. Temas voltados ao universo automobilístico, abordados de maneira inteligente, com pitadas de humor, sem abolir o aspecto técnico que alguns assuntos exigem.“A revista é uma oportunidade de divulgação para marcas e empresas do setor, bem como conta com informações atualizadas deste mundo”, completa Daniela.

O grande diferencial é que os leitores podem participar da revista, enviando contos e histórias engraçadas vividas no trânsito. Ainda, na seção de viagens e aventuras, os próprios turistas têm a oportunidade de compartilhar seus roteiros e aventuras. Basta escrever para revistasobrerodas@hotmail.com.

Campanha do Desarmamento recolhe, em dois meses, 9.160 armas e 30.901 munições

A Campanha Nacional do Desarmamento 2011 – Tire uma arma do futuro do Brasil completa dois meses nesta quarta-feira (6/7). O balanço do período, consolidado pelo Ministério da Justiça, mostra que já foram entregues 9.160 armamentos e 30.901 munições. Para se ter ideia da capacidade de mobilização da iniciativa, a Polícia Federal, órgão que tem a atribuição de receber armas regularmente, recolheu cerca de mil artefatos ao longo dos quatro primeiros meses do ano.

Fonte: Blog do Planalto

terça-feira, 5 de julho de 2011

Joel fala sobre 18 anos do COEP aos ouvintes da CBN

Joel de Lima conversou nesta segunda-feira, 4, com Luis Henrique Scheffer, da Rádio CBN sobre  o evento comemorativo aos 18 anos de criação do Comitê de Entidades no Combate à Fome e pela Vida:  “Coep – 18 Anos: Construindo Caminhos para a Promoção da Cidadania”, realizado no Rio de Janeiro. Joel, representou Itaipu e os iguaçuenses.

O objetivo do evento foi reunir representantes das entidades parceiras para compartilhar as experiências bem-sucedidas no cuidado com meio ambiente, mudanças climáticas e pobreza; combate à fome e segurança alimentar; promoção da educação, saúde e gênero; entre outros assuntos.
Ouça a entrevista

Número de Vereadores em Foz do Iguaçu

Está na pauta da Câmara  Municipal de Foz do Iguaçu o aumento do número de vereadores, de 15 para 21. E, é claro, a controvérsia está instalada, com manifestações em todos os sentidos deixando claro que o debate é necessário.
Para que possa ser aplicada na próxima eleição, em 2012, a mudança deve ser aprovada no legislativo e sancionada pelo executivo ainda no ano de 2011. Porém será um equívoco não realizar sessões públicas que possam esclarecer as principais dúvidas, e, principalmente, resgatar a importância da Câmara de Vereadores na definição dos destinos do Município, e a relevância do papel dos Edis como representantes da população.
Existem outras questões que devem ser debatidas neste mesmo contexto, como o custo operacional da Câmara por exemplo. Creio que é chegado o momento de passarmos antigas questões a limpo, entre elas a definição do número de assessores destinados para cada Vereador. Não podemos esquecer que o número de assessores aumentou para compensar o salário dos Vereadores que foi reduzido por decisão judicial, na década de 90, depois mais assessores foram nomeados utilizando o dinheiro que sobrou com a redução do número de vereadores de 21 para 15.
Não sei dizer se o número de assessores atualmente nomeados por cada Vereador é adequado para atender às atividades do gabinete, porém posso afirmar que a forma como se chegou a este número é funcionalmente inadequada e moralmente indefensável.
Está aberto o debate, entendo que é de fundamental importância a participação da sociedade, de forma organizada e articulada, na definição da composição e funcionamento da nossa Câmara Municipal.

Joel de Lima

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Foz ganha revista sobre automóveis


A  jornalista Abilene Rodrigues, terceirizada da Comunicação Social de Itaipu, lança nesta terça-feira (5) a revista Sobre Rodas, especializada no mercado de automóveis da tríplice fronteira. A publicação será apresentada em um coquetel fechado para convidados no Cataratas JL Shopping, às 19h30.
  
A Sobre Rodas terá distribuição dirigida e gratuita, com periodicidade mensal. A primeira edição teve tiragem de 3.000 exemplares e foi rodada em papel couché, no formato 17 x 24 centímetros.

 
Abilene Rodrigues é responsável pela publicação e também dividiu os textos e a edição com a jornalista Daniela Valiente.

   
“Percebemos que havia a possibilidade de atingir um público diferente daquele atendido pelas revistas da região”, justificou Abilene. 


Fonte: JIE

Foz: Turismo tem semestre histórico

Cataratas do Iguaçu, em dia de movimento. Setor cresce ano a ano e impulsiona a economia.
   
O movimento de turistas em Foz do Iguaçu obteve o melhor desempenho da história no primeiro semestre de 2011. Nas Cataratas do Iguaçu, o número de visitantes aumentou 17,39% nos primeiros seis meses do ano, em relação ao mesmo período de 2010. De janeiro a julho de 2011, passaram pelo lado brasileiro do Parque Nacional do Iguaçu 668.706 visitantes. A expectativa da direção da unidade de conservação é superar 1,5 milhão de turistas pelo lado brasileiro das Cataratas do Iguaçu.
  
Na usina hidrelétrica de Itaipu, a visitação turística cresceu 16,96% em relação ao mesmo período do ano passado. Entre janeiro e julho de 2011, 194.901 pessoas visitaram os atrativos da maior usina hidrelétrica do mundo em geração de energia. Estes números não computam as visitas institucionais, técnico-científicas e as recebidas pela margem paraguaia da usina.

  
No Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, o embarque e desembarque de passageiros chegou a 57,44%, o maior crescimento dentre os principais aeroportos brasileiros. O terminal recebeu 808.150 passageiros neste primeiro semestre, contra 513.294 do acumulado entre janeiro e junho de 2010. A Infraero estima receber 1,8 milhão de embarques e desembarques no aeroporto de Foz do Iguaçu até o final do ano.

  

Ônibus do CTI se prepara para levar mais um grupo de turistas à usina. Movimento crescente.
 
Para as lideranças do “trade” turístico, os números do primeiro semestre confirmam que 2011 será mais um ano de quebra de recordes para o Destino Iguaçu. “Os números mostram toda a vitalidade e o potencial do Destino Iguaçu. Ao que tudo indica, teremos mais um ano de resultados extremamente positivos”, afirma o superintendente de Comunicação Social da Itaipu Binacional e presidente do Fundo de Desenvolvimento e Promoção Turística do Iguaçu (Fundo Iguaçu), Gilmar Piolla.
  
Para ele, este aumento está diretamente relacionado à entrada da operação de novas companhias aéreas no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu. “Tínhamos uma demanda reprimida que agora se supre com o incremento da malha aérea, com a quantidade de voos que conseguimos conquistar para Foz do Iguaçu. Estamos na rota do desenvolvimento sustentável”, concluiu Piolla.

  
O secretário de Turismo de Foz do Iguaçu, Felipe Gonzales, compartilha a mesma análise. Para ele, o incremento dos voos e de linhas aéreas promovem um efeito cascata de divulgação do destino e o consequente aumento da demanda. Em sua opinião, também estão associados a estes motivos o marketing e a gestão integrada do turismo do Destino. “Há segmentos do mercado internacional que estão em crise na atualidade. Se não houvesse este quadro, certamente nossos números seriam ainda mais elevados”, analisou Gonzales.

  
O chefe do Parque Nacional do Iguaçu, Jorge Pegoraro, também está otimista sobre o resultado do primeiro semestre. “Estamos felizes porque a visitação vem aumentando mês a mês. É nosso melhor semestre e seguimos a tendência de recorde, já que estamos com 100 mil visitantes a mais que em 2010, um ano histórico no Parque”, avalia.
     

William Bonner e Fátima Bernardes no Mirante do Vertedouro, na última sexta-feira (24). Casal disse ter se impressionado com a magnitude de Itaipu e as belezas de Foz do Iguaçu.
  
Personalidades

  
Entre os turistas que ajudaram a engrossar os números do turismo em Foz do Iguaçu estão personalidades como William Bonner e Fátima Bernandes, editores e apresentadores do Jornal Nacional, da Rede Globo.

  
O editor-chefe do JN ficou deslumbrado pelo Destino Iguaçu, roteiro que ele conheceu no último feriado. No dia 26 de junho, o editor-chefe do Jornal Nacional compartilhou o seguinte comentário com os mais de 1,6 milhão de seguidores que possui em sua página no Twitter (@realwbonner): “A visita a Foz do Iguaçu é algo que todo mundo deve ter nos planos. O que vi aqui em 2 dias e meio vai ficar guardado pra vida toda. Show”.


Fonte: JIE

Salão Internacional do Livro trará grandes nomes da literatura

 De 4 a 14 de agosto, vários ícones do mundo literário estarão em Foz do Iguaçu para participar do 4º Salão Internacional do Livro. Este ano, o evento será realizado na Praça das Nações, em frente ao Colégio Bartolomeu Mitre.

Entre os autores confirmados: Leandro Narloch (2º colocado na lista da revista Veja), Antonio Torres, Cléo Busatto, Fernando Moraes (autor de “Olga”), Domingos Meirelles (autor de “As Noites das Grandes Fogueiras”), Alcione Araújo, Jairo Bouer, Valéria Gurgel, Leticia Sabatela, entre outros.

O objetivo do Salão do Livro é despertar o gosto pela leitura e popularizar o livro. Para isso, além da tradicional feira, com editoras e livraria dos mais diversos segmentos da literatura, infantil, técnico, científico, auto-ajuda e biografias, haverá, ainda, contação de história, sessão de autógrafos, atividades recreativas, café literário, oficinas, apresentações teatrais e musicais.

O Salão conta com apoio da Itaipu Binacional, Universidades e Faculdades da cidade, Ceaec, Secretaria da Educação, Núcleo Regional de Educação, livreiros e outras entidades interessadas na difusão das obras literárias.

Conheça um pouco mais os autores

Leandro Narloch, segundo colocado da revista “Veja”, foi muito ousado para desafiar símbolos e ídolos nacionais intocáveis. Em seu livro “Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil”, mostra sua irreverência ao afirmar que Zumbi dos Palmares tinha escravos, que a feijoada é originária da Europa, que Lampião usava perfume francês e que Santos Dumont não inventou o avião.

Com a proposta de desmontar fantasias enraizadas no imaginário popular, Narloch pesquisou mais de 100 livros e dissertações acadêmicas para expor suas “verdades incômodas”. Narloch é jornalista e foi editor das revistas “Superinteressante” e “Aventuras na História”.

Jornalista e escritor, Fernando Morais, recebeu o Prêmio Esso por três vezes e, o Prêmio Abril por quatro. Depois de “A Ilha”, consagrou-se com o romance “Olga”, o qual narra a trajetória da esposa do líder comunista Luiz Carlos Prestes. Depois, fez sucesso com “Chatô, o Rei do Brasil”, uma biografia de Assis Chateaubriand. Escreveu também “Na Toca dos Leões”, onde detalha a vida de Washington Olivetto, fundador da W/Brasil. E em 2008 escreveu “O Mago”, uma biografia do polêmico escritor Paulo Coelho.

Seu livro mais famoso, “Olga”, foi adaptado para o cinema e recebeu vários prêmios. Produzido pela Globo Filmes, em 2004, foi dirigido por Jayme Monjardim e teve Camila Morgado no papel de Olga.
Em Foz do Iguaçu, Fernando Moraes falará sobre adaptações de livros para o cinema. No dia de sua palestra deverá ser exibido o filme “Olga”.

O primeiro livro de Antônio Torres foi “Um Cão Uivando para a Lua”, quando tinha 32 anos. Ficou nacionalmente conhecido com a obra “Os Homens dos Pés Redondos”. Seu grande sucesso, porém, veio em 1976, com “Essa Terra”, narrativa forte, que aborda o êxodo de nordestinos para as grandes metrópoles brasileiras.
“Essa terra”, considerada uma obra-prima, ganhou uma edição francesa em 1984, abrindo o caminho para a carreira internacional do escritor baiano, que hoje tem seus livros publicados em Cuba, na Argentina, França, Alemanha, Itália, Inglaterra, Estados Unidos, Israel, Holanda, Espanha e Portugal. 

Jairo Bouer,(foto ao lado) médico psiquiatra formado pela Faculdade de Medicina e pelo Instituto de Psiquiatria da USP, iniciou seu trabalho sobre sexualidade humana no Prosex (Projeto Sexualidade). Colaborador da Folha de São Paulo, desde 1993, manteve, inicialmente, uma página sobre saúde no caderno Cotidiano e, no final do mesmo ano, assumiu coluna no Folhateen, em que responde a dúvidas de leitores sobre sexualidade. Após passagem pela TV Cultura, estreou na MTV em 1999, com o programa Erótica. Na emissora, desenvolveu ainda os programas 20 e Poucos Anos, Todo Mundo e o atual Peep MTV. Bouer também é responsável pelo programa Sexo Oral, na rádio 89 FM, e pelo site Caliente (www.caliente.com.br). "Sexo & Cia." é seu segundo livro; em 2001 lançou, em parceria com o jornalista Marcelo Duarte, "O Guia dos Curiosos - Sexo" (Cia. das Letras).

Vencedor do prêmio Jabuti, Alcione Araújo é um dos mais engajados intelectuais do Brasil. Radicado no Rio de Janeiro há mais de 30 anos, é romancista, dramaturgo, roteirista de cinema, televisão, cronista e ensaísta e atua em diversas áreas da vida cultural e intelectual.
Sua obra teatral está reunida em três volumes com o título geral de Teatro de Alcione Araújo. São 13 peças teatrais, entre elas, “Vagas para moças de fino trato”, “A caravana da ilusão”, “Doce deleite” e “Muitos anos de vida”. Escreveu 14 roteiros cinematográficos de longa-metragem, entre os quais, “Nunca fomos tão felizes” (Prêmio de Melhor Roteiro nos festivais de Gramado e Brasília), “Jorge um brasileiro” e “Policarpo Quaresma”.

Mediadora em projetos sobre oralidade, leitura e literatura infanto-juvenil, Cléo Busatto já capacitou mais de 40.000 pessoas. Conhece muito bem a narração oral no meio digital. O resultado é produção de softwares educativos. Mestre em teoria literária se destacou pelas obras “Práticas de Oralidade na Sala de Aula”, “Pedro e o Cruzeiro do Sul” e “A Arte de Contar Histórias no Século XXI”.  

Fonte: Assessoria